Sindojusgo se reúne com delegado-geral da Polícia Civil

O presidente do Sindicato dos Oficiais de Justiça de Goiás (Sindojusgo), Moizés Bento acompanhado do Diretor para Assuntos Sindicais, Divino Lopes e do advogado, Gleidson Emanuel de Araújo se reuniram, na tarde de ontem (13.06), com o delegado-geral da Polícia Civil de Goiás, Álvaro Cássio dos Santos. Os representantes dos Oficiais de Justiça de Goiás solicitaram a cooperação da Polícia Civil para a ampliação da Portaria 03/2016 para todo o estado, para que após a entrega do preso pelo Oficial de Justiça este seja recambiado para o exame de corpo de delito por uma equipe de agentes da Polícia Civil. “ Este procedimento já é adotado aqui em Goiânia e traz mais segurança para os oficiais de justiça. Queremos que essa ação se estenda para todo o interior, principalmente para o entorno de Brasília que tem índices altos de violência”, explica Moizés.

Esse transporte de presos por inadimplemento de pensão alimentícia já é feito por equipe da Delegacia Estadual de Capturas (Decap) na capital. “O número de oficiais para atender as comarcas do interior do Estado e Entorno de Brasília é insuficiente e precisamos agilizar o cumprimento dos mandados. No caso de prisão do devedor de pensão alimentícia demanda bastante tempo, já que ao chegar na delegacia o oficial ainda tem que deslocar o preso para a realização do exame de corpo de delito. Isso dificulta e atrasa o nosso trabalho, além de colocar o profissional em risco. Na maioria das vezes o oficial de justiça está sozinho e desarmado. Acreditamos que o Dr. Álvaro vai se sensibilizar com a nossa causa e expandirá esse auxílio para todo o estado”, completa o presidente do Sindojusgo.